segunda-feira, 4 de novembro de 2019

✌✌ META ATINGIDA ✌✌


Quatro de Novembro de dois mil e dezanove.

Não vai ser um dia fácil de esquecer.

Esperava este dia sim em Dezembro, no entanto foram tantas as vezes que ao longo do ano me fui debatendo com a possibilidade de falhar, de ponderar que talvez a meta não fosse batida em Dezembro com a virada do ano, mas sim, lá por Fevereiro/Março de 2020, que chegar a 04 de Novembro com a poupança num valor fixo (que tanto ambicionei desde o inicio do ano) é OPTIMISSIMO (mesmo não existindo a palavra).

- Para mim não foi SÓ, bater a meta um mês antes, foi mesmo O bater a meta;
- Passei Agosto sem poupança;
- O meu pior mês de poupança este ano registou uma simples entrada de 79,40€;

O ano não foi uma constante, fui oscilando, fui errando (o que me obrigou a regrar em demasia meses seguintes), fui calculando as hipóteses de "dar" ou "não dar" certo, fiquei desanimada sempre que a conclusão do "estudo daquele dia" me indicava que não ia conseguir. Depois de ter decidido não poupar em Agosto, percebi que os restantes 4 meses iam ficar sobrecarregados, então já contando com os erros até Julho (que ainda foram alguns), ia-me mentalizando que ficaria perto do objectivo mas não o atingiria.

Tal como em 2018, que por pouco não bati a meta.

Em Setembro sentei-me com calma, deixei a agenda de 10x10cm de lado, com registos desde Agosto de 2017 a Julho de 2019, peguei num caderno A5, e fiz um mapa de propriedade:
  • Quanto tinha até aquele dia em poupança;
  • Quanto tinha no mealheiro de 2€
  • Quanto tinha na minha reserva em casa;
  • Quanto tinha guardado do meu part-time n.º 1; o  n.º 2 tinha/teve outro destino.
  • Quanto tinha no mealheiro de lata iniciado em Agosto de 2017 que até já andava meio esquecido (tinha 66,11€);
  • Quanto tinha na RAIZE;
  • Quanto podia eventualmente poupar, mesmo a esticar a corda, nos restantes 4 meses do ano, incluindo Setembro que estava a decorrer.
Pois é:
- juntei tudo e estou aqui.

Meta atingida com sucesso. 29 meses depois de registar a conta poupança (07/2017) atingi a meta definida em Dezembro de 2018, num valor muito desejado. 

Sobre o esforço, a privação, o empenho, as decepções, as criticas... ?
Vale a pena 😉😉

10 comentários:

  1. Parabéns, realizar sonhos é sempre um grande impulsionador para se continuar a viver. Que tudo continue a correr bem :]

    ResponderEliminar
  2. Muitos parabéns.
    Também gostava de colocar assim metas, mas é complicado com a casa e com coisas a avariar =P

    Mas muito bom mesmo, fiquei contente por ti =)

    Beijocas

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Olá :)
      Claro que se torna bem mais complicado quando se tem encargos como os teus, ainda mais em ano de obras no prédio :/, não é fácil acredito.

      Obrigada pela força em muitas destas fases até aqui chegar.
      Beijinho

      Eliminar
  3. PARABÉNS, acho que na antepenúltima linha querias colocar Dezembro de 2019 e colocaste 2018 :) Ao concluíres mais cedo a meta proposta terás um Dezembro mais descansado e poderás "estudar" com tempo as metas para 2020.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Obrigada Marisa, muitas das vezes as vossas palavras de incentivo dão mesmo uma tremenda ajuda! Obrigada :)

      Na antepenultima linha eu queria mesmo dizer 2018, porque foi em Dezembro do ano passado que decidi a meta para este Dezembro de 2019, pode é ter ficado meio confuso na minha ideia de me expressar.

      Sim, agora tenho tempo de me programar para 2020 com calma.
      Beijinho

      Eliminar
  4. Muitos parabéns!!
    Não há melhor sensação do que atingir uma meta.
    Beijinhos

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Obrigada assalariada :)
      É verdade, é muito boa a sensação de riscar metas :))
      beijinho

      Eliminar
  5. Parabéns!! Atingir uma meta traz uma sensação de vitória inexplicável!
    Gostei desse post, vou fazer um mapa de propriedade também!

    ResponderEliminar
  6. Muitos Parabéns por ter atingido a meta!!
    É uma sensação indescritível!!!

    ResponderEliminar

Saúde

Ando à uns dias com um torcicolo, isto dói imenso, chega a dar dores de cabeça, ando cansada disto e de ter isto.