quinta-feira, 26 de julho de 2018

VdC, blog Brasileiro - Respeito.

Habitualmente leio blogs brasileiros, mais recentemente sobre independência financeira ou tranquilidade financeira...
Caiu à uns dias uma bomba na internet, principalmente no Brasil que dava conta da morte súbita de um blogueiro, VdC, todos os blogs que costumo ler abordaram o assunto, primeiramente para desabafar que achavam ser mentira e ser uma excelente forma de desaparecer no mundo dos blogs, dado que tinha transmitido recentemente que tinha, finalmente, atingindo a tranquilidade financeira. Mais tarde reconheceram a possibilidade de veracidade do descrito pela sua esposa e foi um atropelar de publicações. E a reflexão da maioria era de que não seria necessário sofrer toda a vida em busca de uma paz financeira para acabar assim… 

Acho errado, a idade de VdC não é conhecida, pelo menos eu não encontrei registo, pelo descrito pela esposa era saudável e tratou-se de uma fatalidade súbita. 

Se é importante dar-mos valor ao dia-a-dia, ao viver a vida, ao descansar, ao aproveitar o tempo com os nossos? Totalmente! 

Mas trata-se de uma fatalidade. Pode acontecer até a quem esteja a "aproveitar a vida" a comer um gelado ou a comprar uma mala Massimo Dutti.

Arrepiei-me quando li a noticia escrita pelas mãos da esposa. Este mundo tem cada modo de nos fazer acordar para a vida que até dói.

O mesmo com os cenários da Grécia. Será possível? 

Por todas as pessoas que perdem os seus, que se perdem a si próprias, só me resta ter respeito e aos que posso ajudar, às situações que eu conheço e posso ajudar a melhorar ajudo.

Tanta desigualdade e crueldade no mundo. Por vezes penso que não devia existir pessoa no mundo como eu, vou abaixo tão facilmente com as situações dos outros. Vivo tanto certas situações 😥

Que VdC esteja em paz.
Que os falecidos na tragédia da Grécia estejam em paz. E que os, ainda, desaparecidos possam aparecer sem terem de sofrer eternamente enquanto vivam.

2 comentários:

  1. Realmente as pessoas são parvas.
    Que raio de comparação ou sei la, juntar dinheiro e depois morreu... Toda a gente pode ter uma tragédia na vida!

    Beijocas

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Bem verdade, acontecem quando menos se espera, e apesar de não pensar-mos nisso todos os dias, sabemo-lo. E é isso que importa. Agora condicionar atos pelo que pode ou não acontecer é que acho "tolo", apesar de que em alguns aspectos eu o faça.
      Beijinho Cláudia

      Eliminar

Mealheiro (pelas mãos da Cláudia)

Hoje trago-vos uma novidade, que para muitos já não o é porque conhecem a Cláudia do blog " Eu também tenho um blog ", ela tem jei...