sábado, 19 de maio de 2018

Verifique se poupou 10% ao longo dos anos de trabalho.

Das muitas coisas que leio por aí, esta abordagem e método de analisar se andamos minimamente corretos nestas andanças, levou-me a fazer contas. Não se perde nada em analisar ☺

Valter Police ensina uma fórmula aproximada, mas simples, de saber se você está no caminho certo em termos de formação de poupança. Subtraia da sua idade a idade na qual você começou a trabalhar para verificar há quantos anos você trabalha de forma remunerada. Depois, calcule 10% do número de anos trabalhados, multiplique por 12 e, em seguida, pelo valor do seu último salário líquido.
“Se o seu patrimônio se aproximar do resultado, significa que você poupou, em média, cerca de 10% da sua renda ao longo dos seus anos de trabalho. Você está no caminho certo. Se sua poupança for inferior a esse resultado, então você deve rever sua forma de poupar”, explica Police. Ele lembra ainda que bens e dinheiro herdados ou doados a você não devem entrar na conta, apenas aquilo que você realmente construiu."
Bons resultados por ai?
☺☺☺

4 comentários:

  1. Tentei fazer as contas, embora comigo tenha de fazer diferente, uma vez que comecei a trabalhar aos 18, mas estive desempregada depois enquanto estudava.
    Mas sim, estou contente com o resultado =D

    Super interessante.

    Beijocas

    ResponderEliminar
  2. Talvez isso seja intencional da parte dele, mas ele dá como objectivo o valor que uma pessoa teria se poupasse 10% do que ganhou desde o início de carreira, *e* se tivesse sempre ganho o que ganha agora. Se tiver poupado 10% do que ganhou em cada altura da vida, o resultado será diferente (inferior se tiver de momento o melhor ordenado da vida, e superior em caso contrário).

    Talvez ele esteja a assumir que durante a vida se sobe e desce, e por isso a média vai dar ao mesmo. Mas tenho um bocado a ideia de que é mais comum ir-se "subindo na vida", seja por irmos tendo mais experiência e melhor CV, seja por (se for o caso) termos mais anos de casa (em muitos sítios, infelizmente, isso é do que mais conta para se ser aumentado ou promovido). Por outras palavras, o ordenado actual deve (se tudo estiver a correr bem) ser dos melhores que já tivemos... :)

    Desculpa, eu às vezes sou um bocado picuinhas com estas coisas. :) Por via das dúvidas, não digam coisas tipo "se a vida te fizer cair 7 vezes, levanta-te 8" (com o seu tremendo erro de lógica) ao pé de mim. :)

    De qualquer forma, tanto a ideia como a fórmula simplificada fazem todo o sentido. Quanto à tua pergunta... pois, acho que tenho mais ou menos o valor em dívidas que devia ter em poupanças. Enfim, há que recuperar o tempo perdido. :)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Sim, provavelmente vingará aqui o propósito dos 10% desde o inicio da carreira, ou um valor aproximado ao que se poupa agora (que pela lógica será mais) que ao que se poupou no inicio da carreira (que muitas vezes é 0), e as contas ficarem minimamente aproximadas em resultado.

      Eliminar

Da vida (atualização)

Bom, por onde começar? Isto hoje é capaz de ficar tudo baralhado, já não vos escrevo à muito tempo (2meses praticamente) e vou dar-vos as úl...