terça-feira, 5 de junho de 2018

Respirar doi?

Ando cansada. Cansada nem sei de quê, mas cansada.
Talvez seja o ritmo do ano, talvez sejam os desafios pessoais. Talvez nem seja nada. Mas tem minutos em que respirar pesa. Dói.

Assim acabou Maio para mim e se inicia Junho.

5 comentários:

  1. Um passinho de cada vez e uma respiradela funda devagar de cada vez e tudo irá ao lugar! ;)
    Um beijinho
    Cris

    www.lima-limao.pt

    ResponderEliminar
  2. Estamos parecidos -- também só sinto falta de descanso, tempo livre, etc., o que depois faz vir ao de cima outras coisas mais tipo "crise de meia idade": o que é que estou a fazer da minha vida? Porque é que nunca tenho tempo para nada? A vida será sempre só trabalho-dormir-trabalho como parece que tem sido nos últimos tempos? Tanto trabalho e sacrifício para quê?

    Não tenho uma solução para isto; a única coisa que posso dizer é que o nosso cansaço físico e psicológico faz uma diferença ENORME. Quando andamos "de rastos", todos os problemas parecem insolúveis, todos os obstáculos incontornáveis... e tudo o que temos de bom parece insignificante. Às vezes, uma boa noite de sono, ou um dia inteiro só para NÓS PRÓPRIOS, sem horários, obrigações (mesmo que somente sociais/familiares -- essas também cansam), etc., fazem autênticos milagres.

    De resto, subscrevo as sugestões da Cristina, acima. :)

    ResponderEliminar
  3. Há que abrandar o ritmo. Eu ando a abusar, mas mais três dias e estou de férias... =P

    Beijocas

    ResponderEliminar
  4. É parar, respirar bem fundo e seguir em frente. Para tudo na vida há solução, menos a morte!!
    Amanhã o sol brilhará de novo!
    :-)

    ResponderEliminar
  5. Pode ser preciso retirar um tempo para descansar, algo que possas tirar do teu dia-a-dia que te permita andar num ritmo menor.
    Bjs, Marta

    ResponderEliminar

Da vida (atualização)

Bom, por onde começar? Isto hoje é capaz de ficar tudo baralhado, já não vos escrevo à muito tempo (2meses praticamente) e vou dar-vos as úl...