sexta-feira, 19 de junho de 2020

-Ansiedade-

Ok, nunca trouxe este assunto aqui, e tenho acompanhado muito a Cláudia, do blog multifacetado (se não conhecem passem lá - vão gostar), Eu também tenho um blog, que nos descreve muitas vezes o que é e como tem travado a sua luta. Tento sempre estimular a que lute e consiga ultrapassar, mas sempre a aprender com ela, porque ler outras histórias também nos ajuda.

Eu sou uma pessoa de impulso, se ainda não perceberam, essa é a verdade... Para mim, posso estar muito bem num banco de jardim, lembro-me de "a" e pronto!, tem de ser para aquele dia, para aquela hora e como se a vida coubesse toda dentro daquele minuto de decisão.

Pois que não cabe, pois que depois dói.

Sou de impulso, ansiosa e nervosa. Um assunto é capaz de andar o dia TODO na cabeça, de tanto que me deixa exausta e às 20h:00 já ando ko e de rastos no dia-a-dia.

Juro, se pudesse pagar para não ser assim pagava. Juro mesmo... Mas aqui está o estigma de que o dinheiro não compra tudo... 

Entristece-me bastante, porque me faço sofrer, fico com dores de cabeça, chego a vomitar, perco o apetite... isso... Bem podem ver o espectáculo que se torna.

Tenho tentado a velha máxima do "pensa noutra coisa! pensa noutra coisa! pensa noutra coisa"... que quê? só piora... tenho tentado respirar, tenho tentado me manter ocupada TODAS as horas, todos os dias, mas só me sinto bem nas poucas horas em que durmo... e salvo seja, que passo o dia com sono e com vontade de dormir, alem de ter a cabeça sempre a pensar.

Eu juro, àquelas pessoas que conseguem parar no tempo, sentar-se na praia ou num bosque e respirar, desligar de tudo... Podem ensinar? é muito para uma pessoa, sinto que o meu cérebro nunca pára, e isso está a 'matar-me'. Afastei-me um pouco do blog, também por isso... porque tinha e tenho tanta coisa na cabeça que não sei por onde começar...

É claro que é só um desabafo, todos temos as nossas experiências e ninguém tem formulas mágicas, quem dera a cada um viver a sua vida... 

Vou tentar ultrapassar, se der certo venho por aqui contar, se não der... venho aqui na mesma, queixar-me mais um pouco.

7 comentários:

  1. Sei que, quanto mais focamos o cérebro num assunto, mais difícil se torna pensar claramente.

    Quando ainda estudava, tinha uma professora que nos dizia para, nos dias antes dos exames, estudarmos apenas um par de horas, largarmos os livros e fazermos outra coisa que não estimulasse o cérebro, como dançar, cantar, pintar, desenhar, etc. Essas pausas ajudavam a processar. E a verdade é que nos exames as coisas vinham com muito mais facilidade😉.

    Agora, tenho usado o método de escrever numa espécie de diário, o que me obriga a varrer o dia todo, ver as coisas que me causam ansiedade, mas também a reconhecer as coisas que me causaram alegria, conforto, paz. Isto tem dois propósitos: alargar os meus horizontes mentais, para não me focar apenas nas coisas más, e reconhecer outras áreas da vida em que me saio bem, para aumentar a minha auto-estima.

    No início, estava quase sempre a pegar na caneta e no caderno, a escrever tudo o que me perturbava. Mas agora já só escrevo ao final do dia. Tem-me ajudado a entender os problemas, as suas causas, e o que está ao meu alcance de mudar.

    Desculpa o testamento. Sei que não somos todos iguais,mas isto tem-me ajudado realmente.

    Espero que consigas uma forma de te libertares dessa ansiedade, ou pelo m3nos, domá-la😉.

    Beijinhos,
    Ariana

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Olá Ariana :)

      Obrigada pelas palavras, é sempre bom ouvir histórias semelhantes ou opiniões do tema, acho que faz parte da envolvente dos dias que se vivem hoje, só veio piorar a minha forma de ansiedade... espero que consiga contornar.

      beijinho :)

      Eliminar
  2. Oh, percebo-te demasiado bem.
    E por isso mesmo é que falo no blog e fazes bem em desabafar também.

    Não há milagres. Nem receitas milagrosas que resolvam.
    Sabes que não é fácil ultrapassar e sinceramente nem sei se alguma vez acaba.

    Eu agora sinto-me mais calmo, porque quis desligar o foco daquilo que me andava a consumir. É fácil? Nada! Todos os dias pensava naquilo e mentia se dissesse que já não penso. Mas agarro e digo o que me disseram no Reiki "Cancela, limpa e apaga".

    Se o pensamento mau, esse ou outro voltar, cancela limpa e apaga. E começo a agradecer o que tenho.
    Já terminaste aquele livro que te enviei? Eu, depois do acabar, fiquei viciada em agradecer.
    Agradeço todos os dias. Pelas coisas que possas imaginar mais parvas, eu agradeço.

    Se quiseres meditar, diz-me. Fiz aquela meditação dos 21 dias e ajudou-me imenso também. Infelizmente temos que ir lá por tentativas. Eu viciei um bocado a ouvir aqueles sons, em fechar os olhos e tentar desligar. Perco o foco, como tu falas, mas tento focar-me de novo. E perco novamente, até com a mosquinha ou o cão lá fora...

    Desculpa o testamento.

    Beijocas

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Sim Cláudia, e é por isso que também gosto tanto de te ler, trazes problemas e situações reais ao teu blog e isso ajuda a quem te lê, porque dia após dia nunca sabemos o tema, mas tiramos sempre alguma ilação.

      Já tentei marcar reiki, queria para esta semana que inicia hoje mas já não consigo :(

      Sim, tenho sempre feito o esforço por ao final do dia, ou mesmo pela manhã quando acordo agradecer e lembrar-me do que é bom, mas sabes? ahaha este cérebro não pára e a minha concentração perdesse logo. SOCORRO :P

      Este fim de semana comecei a ouvir uns audios de meditação, já o fiz anteriormente e ajudou, é só esperar que me acalme novamente desta vez.

      Sabes qual é o verdadeiro problema? é quando a envolvente é negativa... acabamos por absorver isso para nós. É tentar criar barreira para isso :)

      beijinho e obrigada por tudo**

      Eliminar
    2. Sim, é verdade. Se ao nosso redor as pessoas são negativas ou estão sempre a reclamar, ficamos iguais ou absorvemos essa energia. Eu sinto isso. Se alguém a meu lado está sempre a refilar ou sei lá, começo logo a sentir "coisas"...

      Força com isso, vais conseguir e obrigada eu <3

      Beijocas

      Eliminar
  3. Olá. Sou brasileiro e acabei de conhecer seu blog.
    Também invejo as pessoas que conseguem "desligar" sua mente quando querem. Eu infelizmente não consigo.
    Se alguém achar o segredo, por favor, que comente aqui.
    hehe.
    Um abraço do Brasil.
    Stark.
    www.acumuladorcompulsivo.com

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Olá Stark, seja bem-vindo :)

      Um abraço para si e para todo o Brasil nesta etapa complicada, tudo a correr bem por aí.

      Eliminar

Da vida (atualização)

Bom, por onde começar? Isto hoje é capaz de ficar tudo baralhado, já não vos escrevo à muito tempo (2meses praticamente) e vou dar-vos as úl...