quinta-feira, 8 de outubro de 2020

Desafio Gratidão - "Uma História" Dia 14

 Tópico 8 - Uma história

A minha.

Nasci numa família numerosa,

Ia trabalhar com a minha mãe (melhor, ficava quieta enquanto ela trabalhava);

Ela tinha um colega que se chamava Diamantino

(sempre achei enigmático o nome, ao mesmo tempo que não gostava tinha algo bonito... o som de "diamante")

Quando ia beber água falava sempre para mim, e quando chegava ao pé da minha mãe contava-lhe as conversas que tinhamos:

ele - Então ******, estás a brincar de quê?

eu - com o outro

Sim, tinha um amigo imaginário, só sei que era masculino, e eu chamava-lhe "outro".

Não devemos todos ter um amigo imaginário para suportar esta loucura toda lá fora?

Quando cresci queria porque queria ser GNR

(hoje a minha profissão não tem nada, NADA, em comum)

Cheguei a preparar-me para os testes físicos no meu 12º ano.

os psicotécnicos nunca me assustaram, porque tenho a mente suficientemente forte para suportar com o que me disponho verdadeiramente.

Não me candidatei, porque me faltavam 3 cm para o mínimo de altura requerida...

Segui então o ensino superior.

Um sonho pelo caminho, outros por conquistar.

E isto para dizer o quê?

Quando fiz os meus 17 anos, e estava no 12º ano, na altura de escolher esse futuro, uma tia minha disse-me, ao longo da conversa que estávamos a ter, eu a minha mãe e duas tias (ela e outra)

"Olha sabes:

nem todos os que tentam conseguem

mas todos os que conseguem tentaram".

Super aquelas frases "cliché", "ahm é sério? pois isso está claro"

mas imaginam o poder desta frase numa adolescente?

se calhar hoje em dia não faria diferença em grande parte da juventude, mas em mim fez.

A tia que me disse isto, é a do casal de tios que falei umas publicações atras, os que estimo muito e gostava de ter uma história semelhante à deles.

Sem dúvida uma referência para mim,

e esta conversa e esta frase ficou em mim como um dos melhores momentos do meu passado.

Histórias temos todos, é preciso é cuidado com as que recordamos 😊

1 comentário:

  1. Por causa daquilo do amigo imaginário, tinha uma colega na escola básica que dizia ter um amigo imaginário, pois era o único que não a criticava.
    Por isso sim, acho que todos devíamos ter um.

    E essa frase realmente trás algum poder com ela. Só com a idade é que percebemos isso.

    Beijocas

    ResponderEliminar

Da vida (atualização)

Bom, por onde começar? Isto hoje é capaz de ficar tudo baralhado, já não vos escrevo à muito tempo (2meses praticamente) e vou dar-vos as úl...